SISTEMA DE RACIONALIZADO DE VEDAÇÃO

Os blocos de 14cm possuem propriedades térmicas e acústicas 20% superiores aos blocos de vedação de 09cm, melhorando o desempenho das paredes para atender a norma NBR 15575:2013.

Amarração com tela metálica

 

Em alguns casos, existem paredes que não possibilitam a amarração direta. Nesta situação, faz-se necessária a amarração com o uso de telas metálicas, sendo aplicadas em fiadas alternadas, iniciando a partir da 3ª fiada e posicionadas no eixo do bloco, de forma que possa receber os cordões de argamassa de assentamento.

Fixação da alvenaria à estrutura

 

O estudo da modulação vertical permite visualizar qual bloco ou compensador permite um melhor ajuste modular aos vãos de arquitetura e estrutura, a altura dos peitoris das esquadrias, a definição dos vãos a serem deixados e a espessura das vergas e contravergas e um menor número de quebras. Deve-se atentar para o espaço debaixo entre a alvenaria e a estrutura, que pode variar entre 1,5cm e 3cm, para aplicação de argamassa de fixação, conforme o caso e o relacionamento da estrutura.

Vergas e contravergas

 

O encontro entre a alvenaria de vedação e o pilar está sujeito a fissuras, necessitando de cuidados especiais no encontro entre dois tipos diferentes de materiais. A fixação de tela metálica neste encontro visa minimizar a probabilidade de ocorrência de patologias.

Chumbamento de caixas elétricas

 

Outra medida de racionalização da alvenaria de vedação consiste na passagem dos eletrodutos pelos furos dos blocos na vertical. Para isso, auxilia também a caixa elétrica já fixada no bloco a ser assentado. A utilização de blocos elétricos permite o chumbamento da caixa elétrica fora da alvenaria, elevando a produtividade.

Amarração em "L"

Amarração em "T"

 

 

Indústria - Santa Rita

Rua Juarez Távora, 729 - Centro
CEP: 58.300-410, Santa Rita - Paraíba
Fone: (83) 3229-1017 - (83) 9996-5454